Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

A Síndrome de Burnout

Publicado: Quarta, 29 de Novembro de 2017, 10h11 | Última atualização em Quarta, 29 de Novembro de 2017, 10h12

burnout 

​Num mercado de trabalho competitivo, ter estresse é normal e até nos ajuda a tomar decisões no trabalho e na vida pessoal. No entanto, nos últimos anos, estudiosos têm se preocupado com as causas de sucessivos absenteísmos (ausências do trabalho) causados por recorrentes problemas de saúde que têm sua fonte em um tipo de estresse avançado, com sintomas similares aos da depressão.

O IV Seminário Internacional de Trabalho Seguro, promovido pelo Tribunal Superior do Trabalho nos dias 18 a 20 de outubro p.p. abordou esse tema entre outros que preocupam especialistas de diversas áreas. Segundo os organizadores do evento, os problemas de ordem psicológica ou psiquiátrica são responsáveis por um número considerável de afastamentos do trabalho. Os grandes fatores são o estresse e a depressão, que os especialistas têm chamado de “a grande epidemia do século XXI”.

Durante o evento, a psicóloga Ana Maria Rossi levantou discussão sobre a Síndrome de Burnout (ou Síndrome de Esgotamento Profissional), um tipo de estresse causado exclusivamente por questões relacionadas ao trabalho.

Os trabalhadores que desenvolvem Burnout se sentem sobrecarregados, desmotivados, insatisfeitos, apresentando baixo desempenho profissional e constantes problemas de saúde. Segundo Ana Maria Rossi, quem tem a síndrome tende a não expor o problema, principalmente por medo de perder o emprego, o que dificulta o diagnóstico.

Estudos demonstram, no entanto, que o melhor método para as instituições lidarem com a Síndrome de Burnout é atuar na prevenção, com melhorias no ambiente de trabalho, programas de reconhecimento profissional, adaptação da função e da carga de trabalho.

A Comissão de Ética está atenta às questões relacionadas ao comportamento ético colaborativo e respeitoso. Promover o diálogo sobre essas questões pode abrir muitas possibilidades de melhorias que certamente contribuirão para um ambiente laboral mais saudável e produtivo.

Agende uma visita da Comissão ao seu setor para um bate-papo informal sobre esse e outros temas que afetam nosso dia a dia no ambiente de trabalho. Envie mensagem para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Conheça o Código de Ética do MTPA. (aqui)

(Marta P. Silva, Secretária-Executiva da Comissão de Ética do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil)

registrado em:
Fim do conteúdo da página