Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Corredores Logísticos Estratégicos > Notícias - Portal da Estratégia
Início do conteúdo da página

Notícias - Portal da Estratégia

Última atualização em Sexta, 05 de Janeiro de 2018, 17h48

Reunião do Comitê Nacional de Gestão Hidroviária - CONAGH

No dia 04/12/2017, foi realizada a 1ª reunião Ordinária do Comitê Nacional de Gestão Hidroviária – CONAGH, ressaltando o caráter propositivo e de aconselhamento do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil; Participaram da reunião os representantes da SPI, o Diretor do Departamento de Política e Planejamento Integrado Eimair Bottega Ebeling, e sua equipe,...

Registrado em: Notícias - Portal da Estratégia

Última atualização em 05/01/2018, 17h48

  • publicado
  • 05/01/18
  • 17h13

Complexo de Minério de Ferro

A Secretaria de Política e Integração - SPI realizou, na quinta-feira 22.11.2017, o 2º Workshop referente ao projeto Corredores Logísticos Estratégicos para o complexo de Minério de Ferro.

Participaram do evento, além do Secretário de Política e Integração, senhor Herbert Drummond, o Secretário Adjunto, o senhor Mauricyo Correia, e o Diretor Fernando Nobrega, estes dois do Ministério de Minas e Energia - MME.REFERENCIA 1

Pelo setor público também participaram do workshop as Secretarias do Ministério, SPI, SNAC, SNTTA, SNP, entidades vinculadas DNIT, VALEC, ANTT, ANTAQ e órgãos do governo como DNPM, IPEA e EPL.

Representando o setor de minério de ferro compareceram o senhor Fausto Varela, Presidente do Sindicato da Indústria de Ferro - SINDIFER, a Gerente Cinthia Rodrigues do Instituto Brasileiro de Mineração - IBRAM e representantes da empresa VALE e da Associação Nacional dos Transportes Ferroviários - ANTF.

spi

O segundo volume, referente ao Complexo de Minério de Ferro (composto por minério de ferro, ferro gusa e pelotas) está sendo concluído e será publicado no site do Ministério.

Durante o workshop foram apresentados os corredores logísticos mapeados para escoamento do Complexo de Minério de Ferro tanto para exportação como para consumo interno; a avaliação da infraestrutura desses corredores; e as necessidades para os trechos viários identificados.

REFERENCIA2

Sobre o complexo analisado cabe ressaltar que a extração do minério de ferro representa a mais importante atividade mineral do país.

Segundo os dados apresentados, cerca de 366 milhões de toneladas de minério de ferro são exportadas e aproximadamente 52 milhões são consumidos internamente o que demanda substancialmente a infraestrutura de transportes. Os principais estados produtores são Minas Gerais, Pará e Mato Grosso do Sul.

 

 

SPI PARTICIPA DE EVENTO NO INSTITUTO FEDERAL DE GOIÁS

O Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil participou do evento “Os desafios da Logística Internacional para alavancar o Agronegócio Brasileiro” que foi realizado no dia 27.10.2017 pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás, Campus Anápolis.

mesa2

O evento teve a programação direcionada para discutir ações/esforços que devem ser empreendidos, ou que já estejam acontecendo, para alavancar o agronegócio brasileiro, sob o viés da Logística Internacional. 

O evento teve a participação da iniciativa privada ligada ao setor, estudantes e professores do Instituto. Na oportunidade, foi apresentando o Projeto Corredores Logísticos Estratégicos pelo Coordenador-Geral, Everton Carmo, e pela Coordenadora de Planos e Estudos, Mariana Porto. A apresentação despertou interesse em possíveis linhas de pesquisa pelo público docente e discente. Segundo Mariana, “a fronteira agrícola do Brasil foi se deslocando em direção à Região Norte e a infraestrutura de transportes não acompanhou, o que gerou os entraves logísticos atuais”.

Para Carmo, “a solução para esses problemas relacionados à infraestrutura logística no Brasil é um assunto de interesse de todos os atores da cadeia produtiva e que recai principalmente na necessidade de investimentos públicos e privados para desenvolver a competitividade dos produtos brasileiros”.

MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES PARTICIPA DE REUNIÃO DE TRABALHO NO PARAGUAI

“Paraguai e Brasil buscam maior integração regional com obras de infraestrutura”

erico (2).jpg

Autoridades do Ministério das Obras Públicas e Comunicações (MOPC) do Paraguai e do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil realizaram reunião técnica no dia 10 de novembro sobre a construção de pontes entre os dois países, sobre a Hidrovia Paraná-Paraguai, e sobre o corredor bioceânico rodoviário, projetos que contribuirão para uma maior integração regional.

O vice-ministro paraguaio, engenheiro Juan Manuel Cano, participou da reunião, representando o MOPC. Representando o Brasil, estiveram presentes o Diretor do Departamento de Transportes Terrestres e Programas Aquaviários da SNTTA, Paulo Sérgio de Silva Souza, e o Diretor do Departamento de Gestão Estratégica e Informação da SPI, Érico Reis Guzen.

CORREDORES LOGÍSTICOS ESTRATÉGICOS

“Ministério participa do ABM WEEK”

O projeto Corredores Logísticos Estratégicos, em desenvolvimento pelo Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, foi apresentado no dia 04.10.2017 no ABM WEEK, um dos maiores eventos técnico-científico da América Latina, promovido pela ABM - Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração. 

everton

O palestrante, o Coordenador-Geral de Planejamento e Logística, Everton Carmo, também participou do painel “Infraestrutura Logística no Brasil”, que teve participações importantes, como da Associação Nacional dos Usuários do Transporte de Carga - ANUT, da Confederação Nacional do Transportes - CNT, da Associação Nacional dos Transportes Ferroviários - ANTF, da Confederação Nacional da Indústria - CNI, da Associação Brasileira dos Terminais Portuários - ABTP e do Instituto Aço Brasil - IABR.

Segundo Carmo, “a melhoria da infraestrutura impactará positivamente nas operações de transportes, gerando economia e competitividade aos produtos brasileiros – esse benefício pode ser alcançado por meio da realização de investimentos públicos e privados em um esforço conjunto do poder público e da iniciativa privada para alavancar o Brasil.”

O Coordenador-Geral explicou que a primeira etapa do projeto, corresponde ao complexo de soja e milho, já foi encerrada, estando em processo de finalização as etapas relacionadas ao escoamento de minério de ferro e de veículos automotores.

 

Fim do conteúdo da página