Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Gerente de Projetos
Início do conteúdo da página

Gerente de Projetos

Publicado: Segunda, 17 de Agosto de 2015, 11h43 | Última atualização em Segunda, 21 de Março de 2016, 09h12

Características de um bom gerente de projetos

O que é um gerente de projetos?

negociacao

O gerente de projetos é a pessoa alocada pela organização para liderar a equipe responsável por alcançar os objetivos do projeto, ou seja, é o responsável por garantir que o projeto finalize com sucesso. Entende-se que o projeto finalizou com sucesso quando todo o seu escopo é entregue dentro do prazo, custo e qualidade esperados.

As responsabilidades do gerente de projetos envolvem ações de planejamento, execução e acompanhamento do projeto. Para tanto, um bom gerente de projetos deve possuir, além dos conhecimentos em gerenciamento de projetos, habilidades técnicas (hard skills) e habilidades não técnicas (soft skills). As habilidades técnicas envolvem os conhecimentos adquiridos em sua área de aplicação (um gerente de projetos de TI deve ter conhecimentos em TI) e conhecimentos em gerenciamento geral, como contratos, contabilidade, governança, entre outros. As habilidades não técnicas, as “soft skills” são aquelas relacionadas à comunicação interpessoal, negociação, liderança, competências conversacionais, entre outras que permeiam o campo da inteligência emocional. O profissional de projetos que reunir as hard e soft skills, será um gerente de projetos completo, unindo a capacidade técnica de encontrar uma solução junto a sua equipe com a capacidade de liderar essa equipe para um objetivo em comum.

A seguir, detalhamos algumas habilidades que você precisará ter caso tenha interesse em se tornar um gerente de projetos.

 

1) Organização

Essa talvez seja a habilidade mais básica e a mais essencial. Muitas vezes você terá que gerenciar mais de um projeto ao mesmo tempo, e se organização não for a sua maior qualidade você enfrentará alguns problemas. Mas não se preocupe, se este for o seu caso, não é difícil desenvolver esse tipo de habilidade. Há ferramentas simples que podem te auxiliar a desenvolver essa habilidade e o Escritório de Projetos Estratégicos pode de orientar nesse aprendizado.

2) Liderança

Nunca, jamais, confunda líder com chefe. É bem verdade que existem mais chefes do que líderes por aí, mas um gerente de projeto não pode se encaixar na maioria. Ele precisa ser um agente da mudança, e engajar e inspirar o seu time a ir junto com ele. Nem todos nascem sabendo liderar, mas todos podem desenvolver a liderança.

Ser um bom líder significa também conhecer os membros da sua equipe e saber encaixá-los nos projetos certos, de acordo com as suas competências.

E lembre-se sempre: uma boa liderança garante um ambiente de trabalho mais saudável e, por consequência, o alto astral da equipe, que trabalhará muito mais motivada.

3) Comunicação

A comunicação é o ponto fraco de muitos projetos. É preciso ter um processo aberto e transparente de comunicação, com incentivo à troca de ideias e opiniões. Outro ponto fundamental é ter a consciência do que deve e o que não precisa ser comunicado para equipe e stakeholders. É isso que o Plano de Comunicação do projeto define. Além disso, se o gerente de projeto quiser melhorar a produtividade dos seus projetos, ele deve melhorar a comunicação na sua equipe.

4) Negociação

gerentedeprojetodd

A palavra “negociação” é praticamente sinônimo de gerência de projetos. Você tem de lidar o tempo todo com diferentes interesses, buscar um acordo que seja satisfatório para ambas as partes, convencer pessoas a fazer o que não querem, pedir mais prazo ou recursos para determinada tarefa, e por aí vai. Tem dificuldade nesse quesito? Entre em contato com o Escritório de Projetos e peça uma aula sobre o assunto.

5) Gerenciar crise

A habilidade do item 3 será uma importante ferramenta para lidar com a crise. Uma dica que damos é evitar o “fogo amigo” entre sua equipe. Para isso, mantenha um nível de estresse saudável, nem demais, nem de menos. O gerente de projetos deve sempre se antecipar à crise. Utilizar um Plano de Riscos para mapear os possíveis riscos nos quesitos mais importantes é uma tarefa primordial para garantir isso.

6) Resolução de problemas e tomada de decisão

Tenha atitude diante do risco. Tenha confiança suficiente para tomar decisões sem ter todas as informações disponíveis. O bom gerente de projetos identifica os problemas e propõe soluções, age quando é necessário e lidera a equipe rumo ao sucesso. Para auxiliar nessa tarefa, o Plano de respostas aos riscos deve ser desenvolvido com dedicação e cuidado. No momento de crise, ter um plano previamente produzido auxilia demais na tomada de decisão.

7) Persistência

Ter paciência e insistir quando for necessário nunca é demais. Você não pode desistir frente às dificuldades. Não é fácil, e se fosse, a profissão não seria tão valorizada como é atualmente. A persistência é o que irá diferenciar o ótimo do bom.

Um gerente de projetos não se torna um bom profissional apenas pelas suas habilidades técnicas em sua área de aplicação. Para garantir o sucesso da gestão do projeto, é necessário observar as habilidades não técnicas do gerente e analisar se ele será capaz de liderar a equipe sob sua responsabilidade. Para apoiar você, gerente de projetos, o Escritório de Projetos Estratégicos do Ministério dos Transportes possui várias ferramentas para tornar esse trabalho mais fácil e, ainda, profissionais capacitados para dar consultoria durante o planejamento, execução e acompanhamento do seu projeto. Entre em contato conosco!

Fonte: (PMBOK Guide), 4ª Edição;Cagle R. B. Your succeful project management carrer, New York: Amacom 2005.Buck/Rafael e  Pucca /Eduardo Montenegro Franceschini - Características de um bom gestor de projetos.Vaz /Thassia  - As 7 habilidades essenciais do Gerente de Projetos.

Fim do conteúdo da página